• De ônibus na Copa

    em 08/jul/2014 em Crônicas por Dennys Távora | Sem comentários »
    De ônibus na Copa

        por Dennys Távora   Se um jogo do Brasil na Copa do Mundo cai em um dia normal de trabalho, repete-se um ritual bem conhecido dos brasileiros: liberação antecipada do trabalho e do estudo a fim de possibilitar que todos possam voltar as suas casas ou se reunir com os amigos para torcer pelo Brasil. Já se tornou uma tradição! Brasileiro é folgado? De modo algum! Somos um povo muito trabalhador. Apenas amamos a Copa do... Ler mais

  • Como é bom festejar a Copa!

    em 27/jun/2014 em Crônicas por Dennys Távora | Sem comentários »
    Como é bom festejar a Copa!

        por Dennys Távora   Copa de 70, dia da final entre o Brasil e a Itália, dois bicampeões mundiais. Quem vencesse pela terceira vez tomaria posse definitiva da taça Jules Rimet. A expectativa e a confiança da torcida brasileira eram enormes. Apesar do país se encontrar sob uma ditadura militar, o clima era de festa. Até quem se opunha ao regime e receava o uso político de uma vitória do escrete canarinho, àquela... Ler mais

  • É gol de Jairzinho!

    em 09/jun/2014 em Crônicas por Dennys Távora | Sem comentários »
    É gol de Jairzinho!

        por Dennys Távora   Na infância, cada celebração de mais um ano de vida tem tudo para se tornar um momento especial. No meu caso, porém, a timidez me levava a não desejar muito essas celebrações. Um singelo presente já era suficiente para não deixar a data passar em branco. Por tal razão, apesar de carregar inúmeras recordações dos tempos de criança, guardo poucas lembranças dos meus primeiros aniversários.... Ler mais

  • O meu pai me trouxe uma copa do mundo

    em 01/jun/2014 em Crônicas por Dennys Távora | Sem comentários »
    O meu pai me trouxe uma copa do mundo

        por Dennys Távora   – Pai, o senhor me traz uma copa do mundo? – Esta era a pergunta que fazia diversas vezes ao meu pai quando ele saía para trabalhar. Para evitar entendimentos equivocados, esclareço, desde logo, que o meu pai jamais foi um craque da seleção brasileira de futebol. Na verdade, sequer um bom peladeiro ele era. Porém, o que verdadeiramente importa é que ele compreendia perfeitamente as... Ler mais

  • Contigo

    em 02/out/2013 em Poesia por Dennys Távora | 4 comentários »
    Contigo

    CONTIGO        O que sinto com tanta intensidade Nem o tempo será capaz de apagar, Reforçou o laço da nossa amizade, Fez o meu carinho por ti aumentar. Estar longe não era minha vontade, Mas no amor não vou desacreditar, Sempre com inabalável fidelidade Continuarei ao teu lado a te apoiar. Quero te ver bem e feliz de verdade, Conseguindo o teu sonho realizar, Sei que ao perceber a tua felicidade A minha também poderei... Ler mais

  • O mais belo olhar

    em 29/ago/2013 em Crônicas por Dennys Távora | 4 comentários »
    O mais belo olhar

      por Dennys Távora   Ela é adoravelmente vesga. Quando a conheci, acreditava ter sido atraído pelo brilho dos seus belos olhos verdes, mas não! Apaixonei-me pela sua vesguice. Demorei um pouco para me dar conta disso, pois ela sabia disfarçá-la com arte. Não deixava de me olhar nos olhos, mas não o fazia de forma estática, direta e intimidadora, que ao perdurar pode incomodar ou provocar um pouco de tédio. Não! O seu rosto... Ler mais

  • O teu cabelo

    em 29/jul/2013 em Poesia por Dennys Távora | Sem comentários »
    O teu cabelo

    O TEU CABELO       Longo, liso, como sedosa moldura, As tuas curvas está a acompanhar, Valoriza a tua sinuosa escultura, Compondo um conjunto singular. De forma natural se faz a sedução Ao dar em mim o desejo de o tocar, Quero tê-lo entre os dedos da mão, Para de um jeito suave o acariciar. Do alto até embaixo o carinho faço, Sinto um perfume bem sutil exalar, Envolve-me como em um abraço, Leva-me ao delírio e me faz... Ler mais

  • Os nossos elos

    em 06/jun/2013 em Poesia por Dennys Távora | Sem comentários »
    Os nossos elos

    OS NOSSOS ELOS          O teu encanto aparece e me invade, Muda a minha vida e o meu olhar, Natural é te dar a minha fidelidade, No que precisares de mim te ajudar. Para suportar a inevitável saudade, Tento mais junto de ti me encontrar, Não desistir ao ver uma tempestade E me apresentar pronto a te apoiar. A união supera qualquer dificuldade, Uma corrente, então, vamos formar, Nossos elos feitos de amor e amizade, O tempo e a... Ler mais

  • O amor se fez razão

    em 22/mai/2013 em Poesia por Dennys Távora | Sem comentários »
    O amor se fez razão

    O AMOR SE FEZ RAZÃO        Um sentimento bem profundo Aprimorou a minha percepção, Veio e mudou o meu mundo, Tomou conta do meu coração. Do que sinto não me confundo, Sei de onde vem esta sensação, Lá do fundo da alma é oriundo, Onde nasce a minha inspiração. Já não passa mais um segundo Sem que cresça esta emoção, Este amor tão grande e fecundo É da minha existência a razão.   Dennys Távora   Related... Ler mais

  • A força da fé

    em 31/mar/2013 em Poesia por Dennys Távora | Sem comentários »
    A força da fé

    A FORÇA DA FÉ        A imensa dor que persiste E insiste em te incomodar, Ao amor e à fé não resiste, Por isso, haverá de acabar. Não necessitas ficar triste, Nunca deixes de acreditar, Nosso Deus Pai te assiste E jamais irá te abandonar. Se no peito a crença existe, Acha-se força para lutar, Apenas para quem desiste A alegria não há de chegar.   Dennys Távora   Related... Ler mais

Contigo

em 02/out/2013 em Poesia por Dennys Távora | 4 comentários »
Contigo CONTIGO        O que sinto com tanta intensidade Nem o tempo será capaz de apagar, Reforçou o laço da nossa amizade, Fez o meu carinho por ti aumentar. Estar longe não era minha vontade, Mas no amor não vou desacreditar, Sempre com inabalável fidelidade Continuarei ao teu lado a te apoiar. Quero te ver bem e feliz de verdade, Conseguindo o teu sonho realizar, Sei que ao perceber a tua felicidade A minha também poderei encontrar.   Dennys Távora   Related... Ler mais

O teu cabelo

em 29/jul/2013 em Poesia por Dennys Távora | Sem comentários »
O teu cabelo O TEU CABELO       Longo, liso, como sedosa moldura, As tuas curvas está a acompanhar, Valoriza a tua sinuosa escultura, Compondo um conjunto singular. De forma natural se faz a sedução Ao dar em mim o desejo de o tocar, Quero tê-lo entre os dedos da mão, Para de um jeito suave o acariciar. Do alto até embaixo o carinho faço, Sinto um perfume bem sutil exalar, Envolve-me como em um abraço, Leva-me ao delírio e me faz sonhar. Fixo-me nas pontas perto da cintura, Já o olfato no pescoço busca estar, Torna-se difícil manter a postura, Percebo que começo a me emaranhar. A paixão, então, entra em ebulição, Deixando tudo bem difícil de desatar, Envolto em tão agradável sensação, Os nós passam a mais me enroscar. Tantos fios me prendem como um laço, Sequer... Ler mais

Os nossos elos

em 06/jun/2013 em Poesia por Dennys Távora | Sem comentários »
Os nossos elos OS NOSSOS ELOS          O teu encanto aparece e me invade, Muda a minha vida e o meu olhar, Natural é te dar a minha fidelidade, No que precisares de mim te ajudar. Para suportar a inevitável saudade, Tento mais junto de ti me encontrar, Não desistir ao ver uma tempestade E me apresentar pronto a te apoiar. A união supera qualquer dificuldade, Uma corrente, então, vamos formar, Nossos elos feitos de amor e amizade, O tempo e a distância não vão abalar.   Dennys Távora   Related... Ler mais

O amor se fez razão

em 22/mai/2013 em Poesia por Dennys Távora | Sem comentários »
O amor se fez razão O AMOR SE FEZ RAZÃO        Um sentimento bem profundo Aprimorou a minha percepção, Veio e mudou o meu mundo, Tomou conta do meu coração. Do que sinto não me confundo, Sei de onde vem esta sensação, Lá do fundo da alma é oriundo, Onde nasce a minha inspiração. Já não passa mais um segundo Sem que cresça esta emoção, Este amor tão grande e fecundo É da minha existência a razão.   Dennys Távora   Related... Ler mais

A força da fé

em 31/mar/2013 em Poesia por Dennys Távora | Sem comentários »
A força da fé A FORÇA DA FÉ        A imensa dor que persiste E insiste em te incomodar, Ao amor e à fé não resiste, Por isso, haverá de acabar. Não necessitas ficar triste, Nunca deixes de acreditar, Nosso Deus Pai te assiste E jamais irá te abandonar. Se no peito a crença existe, Acha-se força para lutar, Apenas para quem desiste A alegria não há de chegar.   Dennys Távora   Related... Ler mais

Manhã de sol

em 23/jan/2013 em Poesia por Dennys Távora | Sem comentários »
Manhã de sol MANHÃ DE SOL        Quando o sol encontro ao amanhecer, Pelo lindo dia eu agradeço o Criador, Bem mais alegre se torna o meu viver, A esperança se renova no meu interior. Um sentimento começa a me envolver Ao reencontrar a tua beleza numa flor, O meu coração rápido começa a bater, Como se eu pudesse sentir o teu calor. Já não é possível de ti eu me esquecer, Tudo que é belo me revela o teu valor, A luz solar que faz o mundo florescer, Hoje brilhou para eu te dar mais amor.   Dennys Távora   Related... Ler mais

Mais um ano

em 02/jan/2013 em Poesia por Dennys Távora | Sem comentários »
Mais um ano MAIS UM ANO        O ano passou para não mais voltar, Mas te acresceu mais do que idade, Deu um brilho mágico ao teu olhar, Expressão de ternura e sinceridade. Se o teu sorriso veio me encantar, O teu amor o meu coração invade, Indiferente nunca conseguiria ficar Quando ousamos além da amizade. Existem tantas belezas a desfrutar, Desde que amar seja a tua vontade, É só respirares o amor que há no ar E deixares te envolver a felicidade.   Dennys Távora   Related... Ler mais

Sem medo do amor

em 20/dez/2012 em Poesia por Dennys Távora | 4 comentários »
Sem medo do amor SEM MEDO DO AMOR        A saudade sempre forte vem, Quem ama não a pode evitar, Não temo nada nem ninguém, Ainda quero o sonho realizar. Porém, a distância se mantém, Tudo permanece no seu lugar, No meu fiel coração também, Nada parece pretender mudar. E por não darmos passos além, Cheguei a tentar me conformar, Mas evitar o amor não convém, Mais vale deixá-lo me inspirar.   Dennys Távora   Related... Ler mais

Esperança

em 07/dez/2012 em Poesia por Dennys Távora | 4 comentários »
Esperança ESPERANÇA        Tenho amado quieto e calado, Tranquilo, busco o meu lugar, Revisando o recente passado, Muito pouco tenho a lamentar. A vontade de estar ao teu lado É algo que não consigo evitar, Saudoso sempre tenho estado, Jamais deixaste o meu pensar. O sentimento intenso desatado Continua a crescer sem parar, Permaneço a sonhar acordado, Na esperança do amor triunfar.   Dennys Távora   Related... Ler mais

A hora do amor

em 30/nov/2012 em Poesia por Dennys Távora | 2 comentários »
A hora do amor A HORA DO AMOR        Eu ficarei aqui e aguardarei a hora De um belo dia enfim te encontrar, Reclamo só do tempo que demora, Mas a saudade precisarei suportar. A paciência será a minha senhora, Por ti aguardo o quanto necessitar, Meu coração que te ama não chora, Pois sabe que agora precisa esperar. Logo verei chegar uma nova aurora E se quiseres vais poder me chamar, Será a hora de seguir caminho afora Para viver enfim o sonho de te amar.   Dennys Távora   Related... Ler mais