Archive for Março, 2012

Eco da paixão

em 31/mar/2012 em Poesia por Dennys Távora | Sem comentários »
Eco da paixão

ECO DA PAIXÃO        O meu pensamento voa Levado pelo vento, Sem saber se ecoa Este meu sentimento. Por favor, perdoes O meu novo atrevimento, Caso o enlaçamento Jamais consiga se dar. Mas me permita entoar Este canto acalento, Sincero depoimento Do quanto posso te amar.   Dennys Távora   Related Tags:

Ler mais

O gosto de uma entrega

em 27/mar/2012 em Poesia por Dennys Távora | Sem comentários »
O gosto de uma entrega

O GOSTO DE UMA ENTREGA       Do que sinto por ti gosto de falar Sempre de um modo bem efusivo, Não precisas do que digo duvidar, Meu modo de ser não é impulsivo. Tenho certeza de não me enganar, Há razão até em alguém emotivo, O meu coração desejei te entregar Por ver que ao […]

Ler mais

Recordações

em 21/mar/2012 em Poesia por Dennys Távora | Sem comentários »
Recordações

RECORDAÇÕES        Quando voltas para trás o olhar, Buscando momentos de bonança, É bem provável vires a encontrar Os teus belos tempos de criança. A saudade pode então te dominar E a emoção te abalar a confiança, A alegria parece não mais voltar, Tão grande foi da vida a mudança. Mas se tiveres calma para […]

Ler mais

Encontros e desencontros

em 05/mar/2012 em Poesia por Dennys Távora | Sem comentários »
Encontros e desencontros

ENCONTROS E DESENCONTROS        Eu te conheci de um modo inusitado, De um jeito que jamais iria imaginar, Em pouco tempo me senti encantado, Fascinou-me o teu jeito e o teu olhar. O meu coração ainda bate acelerado, É algo que o tempo nunca vai mudar, Se hoje por amor tenho me dedicado, É que […]

Ler mais

Transbordar

em 01/mar/2012 em Poesia por Dennys Távora | Sem comentários »
Transbordar

TRANSBORDAR        Achava que o amor se formava lento, Porém, fui surpreendido desta vez, Já tomaste posse do meu pensamento. E se distante de mim ainda estás, Como as estrelas lá no firmamento, Muito mais alto cantarei o meu amor, Não será este o meu desalento. Mas se não acreditas no meu canto, Achas que […]

Ler mais